Simplesmente Vinho 2018

février 23, 2018 à février 24, 2018 17:00 - 23:00 UTC+1

Simplesmente Vinho

Rua de Monchique 120

É já em Fevereiro de 2018, sexta 23 e sábado 24, das 16h às 22h00 em ambos os dias, a sexta edição do simplesmente… Vinho o primeiro, e até agora único, salão off português de vinhos, petiscos, arte e música, para partilhar com os amigos.

 

Celebramos 6 anos com 100 + 1 vignerons, ah pois é, adoramos contas à antiga, de Portugal, España e um convidado de France. Vinhos de terroir, autênticos. Respeitando território, tradição e pessoas. Vignerons autênticos, petiscos saborosos a que juntamos a energia dos artistas e das bandas. Tudo, tudo, simplesmente… para partilhar com os bons amigos.
Vocês!

 

Simplesmente… Vinho 2018 | somos Vignerons… somos Floresta. Chega de blábláblá, ooops ou é Lálálá?, e vamos aos detalhes. Vinhos, petiscos, arte, música. Vignerons, cozinehiros, artistas, músicos. Todos Autênticos. e para vos dar muita poesia, vão lá estar:

 

España

★ Rías Baixas: Natalia Canal – Cabana das Bolboretas
★ Iria Otero – Sacabeira
★ Martín Crusat – Vimbio
★ Anxo Eiras – Señor Cuco
★ Antonio Portela – Viños do Solpor
★ Miguel Alfonso – Adega Pedralonga
★ Xurxo Alba – Bodegas Albamar

 

O Ribeiro:

★ Jorge Perez – L’Ombre
★ Alfredo Fernandez – Adega Pousadoiro
★ Bernardo Estévez – Cháns e Lus
★ Diego Diéguez – Cume do Avia

★ Ribeira Sacra: Laura Lorenzo – Daterra Viticultores
★ Arribes del Duero: José Manuel Beneitez – El Hato y el Garabato
★ Toro: Antony Terryn – Dominio del Bendito
★ Madrid: Fernando Garcia – Bodega Marañones
★ Rioja: Sandra Bravo – Sierra de Toloño
★ Arlanza: Olivier Rivière – Olivier Rivière vinos
★ Jumilla: Julia Casado – La del terreno
★ Jerez: César Velázquez – Balandro Vinos
★ Canarias: Roberto Santana – Envínate.

 

France – Banyuls-sur-Mer:

★ José Carvalho – La Cave des Nomades

 

Portugal

★ Minho: Fernando Paiva – Quinta da Palmirinha
★ Vasco Croft – Aphros
★ Pablo Ruibal – Edmun do Val
★ Miguel Queimado – Vale dos Ares
★ Rui Pires – AB Valley Wines
★ Diogo Teixeira Coelho – Quinta da Raza
★ Tony Smith – Quinta de Covela
★ João Camizão – Sem Igual
★ Artur Meleiro – Valados de Melgaço
★ Joana Santiago – Quinta de Santiago.

 

Trás-os-Montes e Beira Interior:

★ Amílcar Salgado – Quinta de Arcossó
★ Mário Romano Cunha – Romano Cunha
★ Francisco Gonçalves – Mont’Alegre
★ José Madeira Afonso – Casas Altas
★ Pedro Carvalho – Quinta dos Termos.

 

Douro:

★ Álvaro e João Roseira – Quinta do Infantado
★ Joaquim Almeida – Quinta Vale de Pios
★ Rita Marques – Conceito
★ Tiago Sampaio – Folias de Baco
★ Pedro Garcias – Mapa
★ João Menéres – Quinta do Romeu
★ Luis Soares Duarte – Bago de Touriga
★ Jorge Coutinho – Alta Pontuação
★ Ana Hespanhol – Quinta do Zimbro
★ Pedro Lencart – Quinta dos Lagares
★ Joana Pinhão – Somnium
★ Filipa Pizarro – duplo PR
★ Álvaro Martinho Lopes – Mafarrico
★ Pedro Coelho – Pormenor Vinhos
★ Stéphane Ferreira – Quinta do Pôpa
★ Luisa Borges – Vieira de Sousa
★ Hugo Oliveira e Silva – Adega Artesanal
★ Isabel Vieira – Bulas Wines
★ Marco Moreira da Silva – Casa de Alpajares
★ Diogo Gonçalves – Dona Berta
★ Rui Soares – Esmero
★ Rafael Miranda – Mãos
★ Paulo Coutinho – Portal Unlocked
★ Luis Pedro Cândido da Silva – Quinta da Carolina.

 

Bairrada:

★ Filipa Pato – Filipa Pato & William Wouters
★ Luís Pato – Luís Pato
★ Mário Sérgio Nuno – Quinta das Bágeiras
★ François Chasans – Quinta da Vacariça
★ Graça Miranda – Casa de Saima
★ Francisco Batel Marques – Quinta dos Abibes
★ Luis Patrão – Vadio.

 

Dão:

★ Álvaro e Maria Castro – Quinta da Pellada
★ António Madeira – António Madeira
★ João Tavares de Pina – João Tavares de Pina
★ Sara & António Lopes Ribeiro – Casa de Mouraz
★ Carlos Silva – Amora Brava
★ José Perdigão – Quinta do Perdigão.

 

Tejo, Lisboa e Colares:

★ Rui Neves – Alveirão
★ Teresa Barbosa – João M Barbosa Vinhos
★ André Gomes Pereira – Quinta do Montalto
★ Pedro Marques – Vale da Capucha
★ Rodrigo Filipe – Humus
★ Christopher Price – Vinhos Cortém
★ Francisco Figueiredo – Adega Regional de Colares
★ José Baeta – Adega Viúva Gomes
★ Hugo Mendes – Hugo Mendes.

 

Alentejo:

★ Miguel Louro – Quinta do Mouro
★ Jorge Rosa Santos – Explicit
★ António Antunes – Herdade do Arrepiado Velho
★ João Afonso – Cabeças do Reguengo
★ Rui Falé – Courelas da Torre
★ Reto Jorg – Quinta do Quetzal.

 

Algarve, Madeira e Açores:

★ Guillaume Leroux – Monte da Casteleja
★ Filipe Vasconcellos – Morgado do Quintão
★ Ricardo Diogo – Barbeito
★ António Maçanita – Azores Wine Company
★ Fortunato – Garcia Czar.

Portugal: Márcio Lopes – Márcio Lopes Winemaker
★ Luis Seabra – Vinhos Cru
★ Dirk Niepoort – Niepoort
★ Vitor Claro – Vitor A. H. Claro
★ Nuno Mira do Ó – Mira do Ó
★ Daniel Gomes – Crónica
★ Slava Izmailovs – Fio de Terra
★ Rui Reguinga – Rui Reguinga Winemaker

 

Restaurantes: Joana Vieira & André Antunes – Delicatum (Braga) | Filipe Miguel Morais – Carvão (Afurada) | Rui Paula – DOP (Porto).

Arte: Nuno Pinto Leite (curador) – Artistas: Diogo Muñoz | Isabel de Andrade | Paulo Ramunni | Rosarinho Cruz | Susana Bravo | Tim Madeira

 

Concertos ao vivo às 21h em cada dia:
sexta 23 Orquestra Fina
sábado 24 (o grande final do simplesmente…Vinho 2018) com 7

 

bilhete € 18 (venda exclusiva no local) com direito a: copo e catálogo oficial, prova de vinhos, exposição de arte e concertos de música ao vivo, uma planta (de viveiro para posterior plantação) à escolha.

venda de senhas de € 3 e € 5 para degustar petiscos nos 3 restaurantes participantes. Zona de restauração sentada e em balcão, para quem quiser jantar no local.

simplesmente… Garrafeira disponibiliza: vinhos, copos, t-shirts.

Conceção, Design e Comunicação: Gustavo Roseira – NAV

Produção: Sara Roseira

Cais Novo: conceito e direção de Nuno Pinto Leite

Galeria de Arte: Ela vai nua, she goes naked

simplesmente… Vinho 2018,
no Cais Novo,
vemo-nos lá?

Rua de Monchique, 120 (por cima do Museu do Vinho do Porto)
Autocarro: 500 Elétrico: 1

Parceiros: Cais Novo, ViniPortugal, J. Dias Cooperage, NAV, Minfo,
Ela vai nua, she goes naked

#simplesmentevinho #realwine #vigneron

Nesta sexta edição, o simplesmente… Vinho, fica em casa. Já nos conhecem, precisamos do rio Douro, não passamos sem raízes, tradição, história, calçadas de pedra, paredes velhas, emoções novas, e simplesmente… encontramos tudo isto (novamente) no Cais Novo.

2017 foi um ano trágico para o mundo rural: Portugal e a Galiza, falando apenas de dois exemplos, foram territórios muito massacrados.
Não podemos ficar indiferentes. Por isso, simbólicamente, a Casa de Mouraz (um dos vignerons portugueses mais afetado pelo fogo com destruição de vinha, armazém e vinhos engarrafados) é o convidado de honra do simplesmente…Vinho 2018.
No mesmo âmbito, estabelecemos uma parceria com a Quercus, para um conjunto de ações ao longo dos dois dias do simplesmente… Vinho: 1- colóquio, sábado 24 às 16h, sobre “A Floresta e mundo rural” e a “Preservação da biodiversidade e promoção de práticas amigas do ambiente na viticultura”; 2- o espaço do evento mostrará plantas autóctones, cedidas pela Quercus, pretendendo sensibilizar para a necessidade de preservar e valorizar o património natural; 3- a todos os visitantes será oferecida uma planta, para posterior plantação, de forma a poderem contribuir para o esforço nacional de replantação das áreas perdidas.

Nuno Pinto Leite, da galeria Ela Vai Nua, é o curador da exposição de arte, com obras de seis artistas: Diogo Muñoz, Isabel de Andrade, Paulo Ramunni, Rosarinho Cruz, Susana Bravo e Tim Madeira. Artistas escolhidos pelas suas cumplicidades e, ao mesmo tempo, complementaridades. Das paredes do Cais Novo virá, mais uma vez, a energia artística que contribui, de forma decisiva, para tornar o simplesmente… Vinho um espaço e momento único para apreciar e partilhar vinhos autênticos.

Como sempre, cada um dos dois dias termina com um concerto: sexta 23 é a Orquestra Fina, projeto cantado em português do músico de jazz Rui Teixeira; sábado 24 o grande final é com uma novidade absoluta, a estreia (mundial!) dos 7, a nova banda de André Indiana que realiza aqui o seu primeiro concerto.

Para além do vinho, da arte e da música, são três os restaurantes que se juntam à nossa festa: Delicatum (Braga), Carvão (Cais da Afurada) e DOP (Porto). Sim, porque nada melhor que bons petiscos para saborear e partilhar vinhos verdadeiros com os amigos.
Atenção à Novidade, programar a visita de forma a ficar para jantar na zona de restauração montada no Cais Novo.

Por último, como se diz na America: last but not the least, (ou será que aqui devíamos usar o clichê da “cereja no topo do bolo”?) um jantar pop-up no mais recente restaurante do chef Luís Américo, o Typographia Progresso, que combina as diferentes inspirações do chef com vinhos simplesmente…autênticos, e a presença dos respectivos vignerons.
É na sexta-feira 23 às 22h. Reserva obrigatória no restaurante.

Ajouter un commentaire

Les champs marqués d'un astérisque (*) sont obligatoires. Votre Email ne sera pas publiée *